Sob a Luz do Campo

 

                   Gariglio e Wagner Bottaro mostram suas obras

                           na Galeria de Arte Beatriz Abi-Acl

 

 

Com o título “Sob a Luz do Campo – Gariglio e Wagner Bottaro” a Galeria de Arte Beatriz Abi-Acl apresenta ao público, a partir do próximo dia 5 de novembro, exposição desses dois talentosos artistas mineiros. São 56 trabalhos entre óleos e aquarelas, dos quais 28 de autoria de Baptista Gariglio Filho (quadros a óleo) e 28 de Wagner Bottaro (aquarelas). Em dimensões variadas, as obras trazem como temática a diversidade da paisagem mineira, pintadas ar livre, em estilo impressionista.

 

A mostra será aberta no dia 4 de novembro, a partir das 18 horas, na Galeria Beatriz Abi-Acl, situada à Rua Santa Catarina, 1155, bairro de Lourdes, em Belo Horizonte. Estará aberta ao público até 4 de dezembro de 2021.

 

A pintura de campo, também conhecida como en plein air, começa a ser executada no Brasil, no século XIX, pelo mestre Georg Grimm, que rompeu com a tradição europeia de ensinar a pintar paisagens dentro das salas-ateliês. Em sintonia com os impressionistas franceses, ele leva seus alunos para o campo, criando o chamado Grupo Grimm. Essa ação deixou como legado grandes paisagistas da história da arte brasileira, configurando-se como o primeiro movimento libertário da pintura brasileira em contraposição às antigas convenções, muito antes da Semana da Arte de 1922.

 

Para os artistas, “no contexto atual, em que as belezas naturais e o patrimônio histórico do país se encontram constantemente ameaçados pelo desequilíbrio ecológico a partir das ações irracionais do homem, a pintura de paisagem se coloca como valoroso baluarte em defesa do meio ambiente”.  Acrescentam que, “cabe ao pintor paisagista a postura inequívoca quanto ao cuidado com o seu objeto de interpretação, de modo que o seu trabalho possa mostrar, por meio da sua força criativa, a busca da preservação da natureza e da herança histórica”.

 

Nesta exposição, cientes da importância da pintura de paisagem in loco, tão deixada de lado pelos artistas atuais, Gariglio e Bottaro, influenciados pela formação a eles concedida pelos seus tios os pintores Alberto Braga e Euclides Bottaro, respectivamente, se propõem a resgatar o encantamento da pintura realizada no campo, a se contrapor aos modismos atuais. Optaram por pintar com apurada técnica óleos e aquarelas, como forma de eternizar locais que um dia poderão deixar de existir.

 

Para a galerista e artista plástica Beatriz Abi-Acl, o método de pintar en plein air proporciona uma imersão holística junto à natureza ou ao ambiente urbano, incorrendo, então, numa profunda interação do artista com os elementos presentes no local, como o calor ou o frio, o vento, os aromas, a umidade do ar e a luz do sol. “Como resultado do trabalho pictórico de Gariglio e

 

Wagner Bottaro, executado sob a luz do campo, temos pinturas que nos transmitem a sensação única de paz e bucolismo, tão ausente nas artes plásticas de hoje e na banalizada imagética digital. Frisa a artista. São pinturas que levam o espectador a admirar matas, montanhas, riachos e, também, o mistério e a religiosidade das cidades históricas.

 

Esta exposição, portanto, é um convite ao encantamento proporcionado pelas envolventes paisagens pintadas “sob a luz do campo” por estes dois talentosos artistas.

 

 

Mais informações:

 

Galeria Beatriz Abi-Acl

Rua Santa Catarina, 1155 - Lourdes, Belo Horizonte - MG

Telefone(31) 3291 - 2101

Site: www.galeriabeatrizabiacl.com.br

 

Assessoria: Jorn. Elza Sena

Telefone: (31) 99984-9046

 

Obras

Wagner.
Wagner.
press to zoom
Wagner
Wagner
press to zoom
Gariglio.
Gariglio.
press to zoom
Gariglio
Gariglio
press to zoom

Abertura

1
1
press to zoom
-
-
press to zoom